Por Eduardo Luiz, da Redação PTD - 16/10/2016 - 19:02h.
Verdão vence o Figueirense por 2 a 1 e abre 4 pontos de vantagem na liderança
Com dois gols de Jean, Palmeiras ganha outra fora de casa e vai a 64 pontos; Flamengo e Atlético-MG perderam na rodada.

Sem Zé Roberto, vetado por desgaste físico, com Fabiano na lateral e Jean na volância, o Verdão iniciou o jogo respeitando demais o Figueirense, que por sua vez também respeitava muito o time do técnico Cuca.

Tirando um envolvente contra-ataque puxado pelo Palmeiras aos 5 minutos que terminou com Fabiano cruzando muito mal para Egídio, nada de relevante aconteceu nos 23 primeiros minutos. Aos 24 Moisés resolveu colocar a bola no chão e tocou para Jesus; o atacante dominou, girou e bateu fraco, fácil para o goleiro.

Aos 27 minutos nova investida alviverde; Jean recebeu de Egídio e bateu; Josa bloqueou a finalização e a bola sobrou para Moisés, que também parou no bloqueio do adversário. O Figueirense só foi levar perigo aos 37 minutos numa cobrança de falta executada por Ayrton. A bola desviou em Mina e quase enganou Jailson, que teve reflexo para ir buscar.

Nos últimos minutos da etapa inicial o Palmeiras enfim resolveu se impor. Aos 42 minutos Dudu cobrou escanteio e Vitor Hugo subiu uns três metros para escorar por cima do travessão. Aos 45 Fabiano apareceu bem pela direita e tocou para Gabriel, que não finalizou como gostaria, mas conseguindo tirar do goleiro. Ayrton salvou sobre a linha.

No segundo tempo, sem alterações, o Verdão voltou mais ligado, procurando o gol desde cedo. Aos 17 segundos Dudu recebeu na área e bateu colocado, para fora. Aos 4 Jean arriscou da entrada da área, a bola desviou na defesa e saiu em escanteio, que não resultou em nada.

Aos 6 minutos outra boa chance. Jean cruzou e Moisés desviou de letra; Gabriel Jesus e Róger Guedes tentaram se atirar na bola, mas não alcançaram. Só dava Palmeiras. Aos 7 Gabriel Jesus foi lançado e quando se preparava para dominar recebeu uma braçada de Bruno Alves no rosto. Pênalti bem assinalado e convertido por Jean: 1 a 0.

Atrás no marcador, o Figueirense se abriu ainda mais para buscar o empate. Aos 13 minutos Egídio subiu ao ataque mas na hora da finalização errou o alvo. Aos 19 Cuca promoveu a primeira alteração: Allione entrou na vaga de Róger Guedes. Aos 20 Dudu cobrou escanteio e Vitor Huge dessa vez conseguiu finalizar para baixo, mas parou em boa defesa de Gatito Fernández.

A primeira finalização dos mandantes surgiu apenas aos 23 minutos com Jackson, mas o chute do volante saiu sem direção. Aos 25 minutos, após lance confuso, Egídio derrubou Rafael Silva na área, mas a arbitragem mandou o jogo seguir.

Para não dar chance ao azar, o Palmeiras foi em busca do segundo gol. Aos 32 minutos Dudu cobrou rapidamente um lateral para Gabriel Jesus, que avançou e tentou o passe para Allione; a bola desviou em Warley e sobrou para Jean fuzilar de canhota: 2 a 0.

A torcida alviverde presente em bom número ao Orlando Scarpelli ainda comemorava quando aos 34 minutos Jailson falhou numa saída de gol após cobrança de escanteio; Rafael Silva foi esperto e aproveitou para descontar: 2 a 1. Aos 36, ciente da derrota parcial do Flamengo diante do Internacional, Cuca resolveu segurar o resultado promovendo a entrada de Thiago Santos no lugar de Dudu.

Logo após a entrada do volante, Lins arriscou da entrada da área, para fora. Com o juizão assinalando qualquer esbarrão, o Figueirense insistia em mandar a bola para a área, mas encontrou o sistema defensivo Palmeirense muito bem postado.

Nos últimos minutos da etapa final o Verdão conseguiu manter a posse de bola e quase chegou ao terceiro gol, novamente com Jean, que cobrou muito bem uma falta perto da área, mas o goleiro voltou a fazer grande defesa. Aos 45 Cuca ainda trocou Tchê Tchê por Fabrício e o time conseguiu segurar a vitória.

Com mais um resultado positivo fora de casa o Palmeiras vai a 64 pontos e abre 4 de diferença para o Flamengo, que perdeu para o Internacional por 2 a 1, em Porto Alegre, e 8 de frente para o Atlético-MG, que foi superado pelo Botafogo por 3 a 2 no Rio de Janeiro.

Agora o Verdão dá um tempo no Brasileirão pois na quarta-feira (19/10) define seu futuro na Copa do Brasil diante do Grêmio, no Allianz Parque. A partida está marcada para 21h45.

Notícias relacionadas:

- Notas de Figueirense 1 x 2 Palmeiras
- Ficha técnica de Figueirense 1 x 2 Palmeiras
 
Vai comentar? Leia e respeite nossas regras
 
Para comentar usando o plugin do Facebook clique aqui
 
 
comments powered by Disqus
 
Os comentários feitos neste espaço não representam a opinião do Palmeiras Todo Dia. A responsabilidade sobre eles são de seus respectivos autores.
Palmeiras Todo Dia | O Site Oficial do Torcedor Palmeirense!
 
Palmeiras Todo Dia - O Site Oficial do Torcedor Palmeirense!