Por Eduardo Luiz, da Redação PTD - 20/11/2016 - 18:53h.
Verdão vence o Botafogo e fica a um empate de ser campeão brasileiro
Gol de Dudu dá vitória ao Palmeiras no Allianz Parque; time vai a 74 pontos, abre 6 de vantagem para o Santos e se aproxima do título.

Com Mina, Zé Roberto e Cleiton Xavier de titulares, o Verdão iniciou o jogo com muito mais posse de bola, mas a primeira finalização foi do Botafogo. Aos 4 minutos Camilo arriscou de longe e errou o alvo. Aos 10 Zé Roberto cobrou falta e Vitor Hugo escorou de cabeça, por cima. No contra-ataque Dudu Cearense soltou a bomba mas também errou feio.

Aos 11 minutos Mina voltou a sentir a lesão na coxa esquerda e para surpresa geral o escolhido de Cuca para ir pro jogo foi Thiago Martins, não Edu Dracena. Aos 14, após outra bola parada, o gol não saiu por falta de sorte; Dudu levantou na cabeça de Moisés, que livre de marcação e em posição legal, cabeceou em cima de Sidão, que estava com a cara virada por medo de tomar uma bolada.

Jogando no erro do Palmeiras, a equipe carioca assustava em algumas descidas ao ataque. Aos 20 minutos Alemão bateu prensado com Thiago Martins, nas mãos de Jailson. A resposta alviverde não demorou. Ainda dentro do minuto 20 Cleiton Xavier arriscou de fora da área, à direita do goleiro.

O Botafogo era atrevido. Aos 23 minutos Rodrigo Pimpão finalizou mal, por cima. Aos 24 Alemão, já de dentro da área, também errou o alvo. Aos 27 o time de Cuca respondeu com uma bela jogada. Dudu tocou para Moisés levantar na cabeça de Róger Guedes, que mandou na direção de Jesus; a bola bateu no camisa 33 e saiu. O atacante estava impedido, mas o assistente não assinalou.

Aos 29 minutos Dudu fintou seu marcador e fuzilou, mas Sidão estava atento e mandou para escanteio, que não resultou em nada. Aos 34 Dudu levantou para Moisés bater de rosca, à direita do goleiro, que nada poderia fazer. Nos minutos finais da etapa inicial quem mais levou perigo foram os visitantes. Aos 39 Camilo ajeitou de cabeça para Pimpão chegar finalizando, exigindo de Jailson uma boa defesa. Aos 44 Camilo dançou na frente de Zé Roberto e cruzou para Carli perder chance incrível.

O Palmeiras voltou para o segundo tempo sem alterações, e tentando resolver logo a parada. Logo no primeiro minuto Jean cruzou para Dudu, que parou em ótima defesa de Sidão. No rebote Cleiton Xavier isolou. O Botafogo, no entanto, não se intimidou. Aos 2 Emerson arriscou de longe, a bola desviou em Zé Roberto, atrapalhando um pouco Jailson, que mandou para escanteio.

Aos 4 minutos Neilton passou por Vitor Hugo e bateu para ótima defesa do camisa 49 Palmeirense. Aos 7 minutos Camilo cobrou muito mal uma falta perto da linha da grande área cometida por Gabriel Jesus. As investidas da equipe carioca fizeram Cuca promover a segunda alteração: Cleiton Xavier, sumido, deu lugar a Alecsandro.

Apesar do nervosismo, aos 11 minutos o Verdão voltou a finalizar, mas o chute de Jesus saiu sem direção. Aos 17, com calma, o gol saiu. Dudu puxou contra-ataque e deu um passe longo demais para Jesus, que saiu da área para trabalhar a bola; o camisa 33 viu a infiltração de Dudu e cruzou na cabeça dele: 1 a 0. O gol alviverde saiu no mesmo momento da virada santista sobre o Cruzeiro no Mineirão, ou seja, o título não poderia mais ser comemorado no domingo.

Para manter a diferença para o rival em 4 pontos, o Palmeiras passou a disputar cada lance com uma intensidade ainda maior. Aos 22 minutos Dudu cobrou falta e Alecsandro desviou por cima. Aos 23 Róger Guedes bateu cruzado, para fora. O Botafogo reagiu aos 27 com Sassá, mas Jailson estava atento. Aos 30 minutos Tchê Tchê sentiu dores musculares e foi substituído por Gabriel.

Faltando pouco mais de 10 minutos para o final do jogo o Verdão se fechou de vez e passou a apostar nos contra-ataques para sacramentar a vitória. Aos 34 minutos Róger Guedes conseguiu acertar o alvo, Sidão deu rebote mas Dudu não conseguiu aproveitar. Aos 38 Moisés tabelou com Róger Guedes mas errou na finalização, que foi de cabeça, por cima.

Aos 43 minutos Jean cobrou falta com certo perigo, para fora. Nos acréscimos veio a notícia do empate do Cruzeiro, e o time soube usar a inteligência para segurar a bola no campo de ataque até o árbitro encerrar o jogo. Pouco antes ainda deu tempo de um botafoguense (Leandrinho) ser expulso após cometer falta dura em Dudu, o nome do jogo.

Com a vitória o Palmeiras vai a 74 pontos, abre 6 de vantagem para o Santos e fica a um empate de garantir o título do Brasileirão.

Domingo que vem (27/11), novamente às 17h, o Verdão recebe a Chapecoense no Allianz Parque.

Notícias relacionadas:

- Notas de Palmeiras 1 x 0 Botafogo
- Ficha técnica de Palmeiras 1 x 0 Botafogo
 
Vai comentar? Leia e respeite nossas regras
 
Para comentar usando o plugin do Facebook clique aqui
 
 
comments powered by Disqus
 
Os comentários feitos neste espaço não representam a opinião do Palmeiras Todo Dia. A responsabilidade sobre eles são de seus respectivos autores.
Palmeiras Todo Dia | O Site Oficial do Torcedor Palmeirense!
 
Palmeiras Todo Dia - O Site Oficial do Torcedor Palmeirense!