Por Eduardo Luiz, da Redação PTD - 08/07/2018 - 15:54h.
Com direito a gol de falta, Verdão atropela Liga Alajuelense na Costa Rica: 6 a 0
Hyoran (3), Scarpa (2) e Bruno Henrique fizeram os gols da vitória; gol de falta, marcado pelo volante, não saía há 3 anos e 4 meses.

O jogo começou parecendo uma partida oficial, ou seja, com o Palmeiras sendo prejudicado pela arbitragem. Logo aos 3 minutos Diogo Barbosa - titular por opção de Roger no lugar de Victor Luis, cruzou para Gustavo Scarpa abrir o placar, mas o assistente anulou o gol alegando impedimento do camisa 14, que estava atrás da linha da bola.

A Liga Alajuelense reagiu rapidamente: aos 4 minutos Rojas soltou a bomba da entrada da área e viu a bola explodir no travessão. Aos 15 Scarpa arriscaria de média distância mas um defensor interceptou com a mão; falta assinalada e cobrada com perfeição por Bruno Henrique: 1 a 0. O Verdão não fazia um gol de falta há 1.226 dias (quase 3 anos e meio).

A frente no placar contra um adversário superior aos enfrentados no Panamá, o time do técnico Roger Machado diminuiu o ritmo e também não permitiu aos mandantes criarem oportunidades. Esse panorama só foi alterado aos 29 minutos, quando Backford pegou de primeira uma rebatida de Edu Dracena, e a exemplo de Rojas carimbou o travessão. Weverton nada poderia fazer.

Para não permitir ao adversário crescer, o Palmeiras voltou a criar uma boa oportunidade logo na sequência: aos 30 minutos Lucas Lima fez boa jogada pela esquerda mas na hora de passar para Willian, que estava livre na área, tocou muito a frente do atacante, que se esticou todo, sem sucesso.

Aos 41 minutos Antônio Carlos encarnou um meia clássico e fez um lançamento de 70 metros para Marcos Rocha; o lateral teve a tranquilidade de dominar, entrar na área e esperar a aproximação de Hyoran para fazer o passe: 2 a 0. O segundo gol alviverde foi a última jogada relevante do primeiro tempo.

O Palmeiras voltou para a etapa final com 4 alterações: Jailson, Mayke, Luan e Thiago Santos nos lugares de Weverton, Marcos Rocha, Edu Dracena e Felipe Melo, respectivamente. A primeira finalização foi da Liga: aos 3 minutos Guevara arriscou e parou em boa defesa de Jailson. Aos 4 a resposta alviverde: Diogo Barbosa experimentou mas foi bloqueado por Miranda. Depois disso só deu Verdão, que rapidamente transformou a vitória em goleada.

Aos 10 minutos Lucas Lima enfiou bela bola para Scarpa bater cruzado: 3 a 0. Logo depois mais duas mexidas: Emerson Santos substituiu Antônio Carlos, e Jean entrou na vaga de Bruno Henrique. Aos 12 minutos Mayke arrancou, entrou na área e cruzou na cabeça de Hyoran: 4 a 0. Os poucos Palmeirenses presentes ao Estádio Nacional ainda comemoravam quando aos 14 minutos Scarpa cruzou sob medida para o artilheiro do dia, Hyoran: 5 a 0.

Depois dos 3 gols num intervalo de 4 minutos, Roger promoveu mais alterações: Deyverson e Victor Luis foram para o jogo nos lugares de Willian e Diogo Barbosa, respectivamente. Aos 21 saiu o sexto: Hyoran enfiou para Deyverson, que ganhou de dois marcadores e deu o gol de presente para Scarpa: 6 a 0. Aos 26 minutos a trave evitou o sétimo em finalização com estilo de Scarpa.

Com o atropelamento consumado, o Palmeiras tirou o pé, e diante da falta de reação da Liga ao menos para tentar o golzinho de honra, os últimos 15 minutos foram protocolares. Uma falta cobrada por Scarpa por cima do travessão aos 37 minutos, e um chapéu de Thiago Santos seguido de um chute rente à trave, nos acréscimos, foram as únicas jogadas passíveis de registro no período. Com 100% de aproveitamento o Palmeiras encerrou a excursão pela América Central.

Agora o Verdão continuará a intertemporada no Brasil; até o primeiro jogo oficial pós-Copa, contra o Santos, pelo Brasileirão, serão mais 11 dias.

Ficha técnica:

Liga Alajuelense: Adonis; Allan, Kenner, Porfirio e Marco (Alfaro); Jake (Martinez), Luis Fernando, Allen e Alex (Freddy); Rojas (Montenegro) e Jonnathan
Técnico: Luis Diego Arnáez

Palmeiras: Weverton (Jailson); Marcos Rocha (Mayke), Antônio Carlos (Emerson Santos), Edu Dracena (Luan) e Diogo Barbosa (Victor Luis); Felipe Melo (Thiago Santos), Bruno Henrique (Jean) e Lucas Lima; Scarpa, Hyoran e Willian (Deyverson)
Técnico: Roger Machado

Local: Estádio Nacional, San José - Costa Rica
Data: 08/07/2018, domingo
Horário: 14h00 (de Brasília) / 11h00 (local)
Árbitro: -
Assistentes: -
Cartões amarelos: Edu Dracena (PAL)
Gols: Palmeiras: Bruno Henrique, aos 15, Hyoran e aos 41 minutos do primeiro tempo, aos 12 e aos 14 do segundo; Scarpa, aos 10 e aos 21 minutos do segundo tempo

 
Vai comentar? Leia e respeite nossas regras
 
Para comentar usando o plugin do Facebook clique aqui
 
 
comments powered by Disqus
 
Os comentários feitos neste espaço não representam a opinião do Palmeiras Todo Dia. A responsabilidade sobre eles são de seus respectivos autores.
Palmeiras Todo Dia | O Site Oficial do Torcedor Palmeirense!
 
 
Palmeiras Todo Dia - O Site Oficial do Torcedor Palmeirense!