Por Eduardo Luiz, da Redação PTD - 13/02/2010 - 21:35h.
Palmeiras empata mais uma...

Por Eduardo Luiz  eduardoluiz@palmeirastododia.com

Quinta-feira após a vitória sobre o Flamengo do Piauí, o técnico Muricy Ramalho havia comentado que pouparia alguns titulares, mas o Verdão foi a Ribeirão Preto enfrentar o Botafogo com o que tem de melhor, inclusive com os retornos de Marcos e Léo. Figueroa, suspenso, foi o único desfalque.

Praticamente completo, o Verdão foi mais perigoso que os donos da casa por todo primeiro tempo, mas nas vezes em que chegou com possibilidade real de fazer o gol, a principal carência do time ficou evidenciada: faltou um matador.

A primeira oportunidade quem criou foi o Botafogo. Logo aos 2 minutos Armero cometeu falta desnecessária perto da área (novidade?); Andrezinho cobrou e João Henrique desviou com perigo. A resposta do Palmeiras aconteceu aos 18 com Danilo, que perdeu o gol praticamente debaixo do travessão. Dez minutos mais tarde Wendel cruzou e Pierre arriscou um chute de primeira que passou perto.

O Botafogo jogava à espera de um vacilo Palmeirense, que aconteceu aos 30 minutos depois que Pierre errou um passe no meio-campo; Malaquias finalizou e Marcos espalmou. Aos 40, após novo vacilo do meio-campo, Adrezinho puxou contra-ataque e cruzou para William cabecear para fora. Nos minutos finais o time de Muricy Ramalho respondeu e criou uma excelente oportunidade para ir para o intervalo com a vantagem parcial: Cleiton Xavier cobrou falta, Léo dividiu com um zagueiro e a bola explodiu na trave. Essa foi a última grande chance da movimentada etapa inicial.

No segundo tempo o Botafogo voltou mais ofensivo. Em menos de 5 minutos os donos da casa fizeram mais do que em todo promeiro tempo, inclusive o gol. Após uma pressão, a bola sobrou para Malaquias chutar cruzado; William se antecipou a Léo e abriu o placar: 1 a 0.

A frente no marcador, a equipe de Ribeirão Preto passou a tocar a bola com certa tranquilidade, enquanto que o Palmeiras, abalado, pouco fazia para ir em busca do empate. Melhor na partida, o Botafogo poderia ter feito 2 a 0 aos 18 minutos, mas o chute de Rodrigo Pontes desviou em Edinho. O Verdão só foi melhorar após os 20, com a entrada de Lenny.

Dos 25 minutos em diante o time de Muricy Ramalho passou a recorrer às jogadas aéreas. A tática deu certo. Aos 28 Cleiton Xavier levantou da direita na cabeça de Léo: 1 a 1. O gol inflamou o Verdão, que foi em busca da virada. Aos 35 minutos Diego Souza cobrou falta e a bola acertou o travessão. Aos 40 o camisa 7 Palmeirense fez bela assisência para Cleiton Xavier finalizar de canhota, fraco. Nos minutos finais o Botafogo tratou de administrar o resultado, que o torna líder provisório do Paulistão com 17 pontos. O Palmeiras soma 13, e está na modésta sétima colocação.

O Verdão prossegue a maratona de jogos na quarta-feira (17/02), contra o São Caetano no Palestra Itália (às 21h50).

 
Vai comentar? Leia e respeite nossas regras
 
Para comentar usando o plugin do Facebook clique aqui
 
 
comments powered by Disqus
 
Os comentários feitos neste espaço não representam a opinião do Palmeiras Todo Dia. A responsabilidade sobre eles são de seus respectivos autores.
Palmeiras Todo Dia | O Site Oficial do Torcedor Palmeirense!
 
Palmeiras Todo Dia - O Site Oficial do Torcedor Palmeirense!