Por Eduardo Luiz, da Redação PTD - 27/03/2010 - 18:02h.
Vergonha sem fim

Por Eduardo Luiz  eduardoluiz@palmeirastododia.com

Cheio de novidades no time titular, entre elas Gabriel Silva e Vinícius, o Palmeiras começou o jogo pressionando o Mirassol. Logo no primeiro minuto Ivo chutou com perigo à direita de Renê. Aos 4 Cleiton Xavier entrou na área e foi derrubado por Thiago; pênalti assinalado e convertido por Robert: 1 a 0.

Em vantagem no marcador, o time de Antônio Carlos diminuiu o ritmo e passou a administrar o resultado. O Mirassol, muito fraco tecnicamente, só conseguiu chegar ao ataque aos 25 minutos num chute de Lins que Marcos defendeu sem problemas.

No restante da etapa inicial, o que de mais relevante aconteceu foi a contusão de Cleiton Xavier aos 27 minutos; Anselmo entrou em seu lugar. Se com o camisa 10 em campo o Palmeiras já penava para criar, sem ele então...

No segundo tempo, por incrível que pareça, o Mirassol voltou melhor que o Palmeiras. Com a marcação avançada, os visistantes passaram a dificultar a saída de bola do time de Antônio Carlos. Aos 2 minutos Lucas desviou cruzamento de cabeça mas Marcos defendeu.

Jogando mal, o Palmeiras ainda foi vítima de mais uma arbitragem ruim. Aos 7 minutos Ivo sofreu pênalti claro de Bosco, ignorado por Flávio Guerra. Aos 10 Robert cobrou falta por cima. Após esse lance só deu Mirassol. Aos 13 minutos Pablo Escobar tentou o chute mas Eduaro o bloqueou. Aos 22 Evando quase empatou num chute que saiu à esquerda de Marcos.

No minuto seguinte o técnico Antônio Carlos fez uma substituição inexplicável: tirou Vicínicius para a entrada de Maurício Ramos. O castigo veio na hora: Evando enfiou, a zaga não afastou e na dividida entre Eduardo e Pablo Escobar o gringo levou a melhor: 1 a 1. Talvez querendo sofrer a derrota, Zago resolveu tirar o único atacante que ainda restava em campo: Joãozinho, um meia, entrou no lugar de Robert.

Jogando no 4-6-0, o ex-Verdão não teve condição nenhuma de ir em busca do resultado positivo. O Mirassol, satisfeito com o empateo, também não arriscou mais nada e o jogo caminhou para o fim sob vaias dos pouquíssimos Palmeirenses presentes ao estádio.

TV PTD: veja os gols da partida - Clique aqui

Antes de voltar a cumprir tabela pelo Paulistão, o Palmeiras recebe o Paysandu quarta-feira (31/03) pela Copa do Brasil. Qualquer empate garante o time de Zago nas oitavas de final. Uma derrota simples (1 a 0) também dá a vaga, pois em Belém o Palmeiras venceu por 2 a 1.

 
Vai comentar? Leia e respeite nossas regras
 
Para comentar usando o plugin do Facebook clique aqui
 
 
comments powered by Disqus
 
Os comentários feitos neste espaço não representam a opinião do Palmeiras Todo Dia. A responsabilidade sobre eles são de seus respectivos autores.
Palmeiras Todo Dia | O Site Oficial do Torcedor Palmeirense!
 
Palmeiras Todo Dia - O Site Oficial do Torcedor Palmeirense!