Por Eduardo Luiz, da Redação PTD - 21/11/2010 - 18:59h.
Reservas perdem outra
Por Eduardo Luiz  eduardoluiz@palmeirastododia.com

Querendo mostrar serviço a Felipão, os reservas do Verdão iniciaram o jogo pressionando o Atlético-MG. Logo aos 4 minutos Fabrício cobrou falta com precisão e viu a bola explodir no travessão.

O gol do Palmeiras parecia estar amadurecendo. Aos 23 minutos, de novo Fabrício quase abriu o placar, dessa vez num chute de longe que Renan Ribeiro espamou. A partir dos 25 minutos, porém, com a entrada de Neto Berola no lugar de Diego Tardelli (lesionado), os visitantes passaram a equilibrar a partida.

Aos 30 minutos, depois de uma jogada iniciada por Berola, Patrik cometeu falta absolutamente desnecessária na entrada da área; Diego Souza cobrou, a bola desviou na bareira e Bruno não chegou: 1 a 0. A frente no marcador e já com mais posse de bola, o Atlético ainda foi beneficiado pela arbitragem aos 33; Neto Berola tentou dar o "drible raixo-x" em Gualberto e se jogou; o juiz foi na dele e expulsou o defensor Palmeirense, que já tinha recebido um cartão amarelo.

Com 1 a 0 no placar e com 1 homem a mais em campo, a equipe de Dorival Júnior tratou de administrar o resultado até o encerramento da etapa inicial.

No segundo tempo o panorama da partida pouco mudou, a diferença foi que Palmeiras e Atlético não alternaram momentos bons e ruins: os dois foram mais ou menos o tempo todo.

Mesmo jogando sem grande interesse, o Verdão assustou a meta de Rnan Oliveira em algumas oportunidades, na melhor delas, aos 6 minutos, Dinei cabeceou por cima. A resposta do Atlético veio aos 9 com Obina, mas Bruno fez boa defesa.

A partida caminhava de forma tranquila até que aos 32 minutos Ricardinho fez bela assistência para Obina; a defesa alviverde o bloqueou mas a bola sobrou para Neto Berola chutar forte: 2 a 0. Com o jogo decidido, as duas equipes apenas esperaram o apito final do juiz. O resultado não altera a posição do Palmeiras na classificação: permanecemos com 50 pontos, na décima colocação.

Quarta-feira (24/11) no Pacaembu, o Verdão define sua vida na Sul-Americana contra o Goiás, às 21h50. Qualquer empate dará a vaga na final ao time de Felipão.

Notas: não avaliaremos individualmente o time com notas, apenas destacaremos positivamente o zagueiro Fabrício e negativamente os meias Rivaldo e Patrik.


 
Vai comentar? Leia e respeite nossas regras
 
Para comentar usando o plugin do Facebook clique aqui
 
 
comments powered by Disqus
 
Os comentários feitos neste espaço não representam a opinião do Palmeiras Todo Dia. A responsabilidade sobre eles são de seus respectivos autores.
Palmeiras Todo Dia | O Site Oficial do Torcedor Palmeirense!
 
Palmeiras Todo Dia - O Site Oficial do Torcedor Palmeirense!