Por Eduardo Luiz, da Redação PTD - 24/01/2013 - 17:12h.
 
Presidente esclarece relação com o Itaú
Na entrevista de apresentação do diretor-executivo José Carlos Brunoro, o presidente Paulo Nobre esclareceu sua relação com o Itaú. Ele negou que seja "dono" do banco, ou o principal acionista.

"As pessoas não tem noção do tamanho do banco. Se eu tivesse 1% do Itaú, meu Deus do céu, o Real Madri teria inveja do Palmeiras. Mas não colocaria dinheiro, eu patrocinaria com alguma marca. Sou um profissional do mercado financeiro. Trabalho comprando e vendendo ações. Trabalho com Itaú, Bradesco, Vale, mas não tenho posição relevante em nenhuma delas, apenas trabalho com isso. O Itaú me patrocinou quando corria Rali, muitas vezes, simplesmente porque a parceria do banco era minha parceira" explicou.

Apesar de não ser dono do Itaú, como muitos imaginavam, Nobre tem um patrimônio significativo, mas ele garantiu que não irá colocar dinheiro do bolso no Palmeiras: "O clube não pode ser refém de seus dirigentes. Na verdade ele acaba comprando o clube, isso é errado. A institução tem de sobreviver por conta própria. O objetivo é não colocar um centado do meu patrimônio pessoal, mas sim trazer minha experiência do mercado" concluiu.

Eduardo Luiz
eduardoluiz@palmeirastododia.com

 
comments powered by Disqus