Por Eduardo Luiz, da Redação PTD - 12/09/2012 - 23:55h.
Segundona, lá vamos nós!
Por Eduardo Luiz  eduardoluiz@palmeirastododia.com

No jogo dos pressionados, o Vasco iniciou melhor. Logo aos 3 minutos Tenório bateu cruzado e Wellington quase fez contra. No lance seguinte Jonclei arriscou de fora da área, por cima.

O Palmeiras só foi responder aos 11 minutos com Tiago Real, mas a finalização do camisa 23 saiu sem perigo. Aos 14 Valdivia experimentou de longe, a bola desviou em Dedé e saiu em escanteio. Após equilibrar a partida, o Verdão não demorou para chegar ao gol. Aos 23 minutos Tiago Real cruzou, Wellington exigiu de Fernando Prass uma ótima defesa mas no rebote Luan conferiu: 1 a 0.


Atrás no marcador, o Vasco passou a ser vaiado pela sua torcida, mas o Palmeiras não soube tirar proveito e logo foi castigado. Aos 29 minutos Wendel levantou na área, Alecsandro escorou e Tenório concluiu: 1 a 1. A zaga alviverde foi mera espectadora do lance.


Ciente que o empate era ruim, o time de Felipão voltou a atacar. Aos 31 minutos Tiago Real cobrou escanteio, Luan desviou e Prass salvou com o pé. Aos 34 Valdivia soltou a bomba de fora da área, a bola desviou em Dedé mas o goleiro conseguiu evitar o gol. O Vasco respondeu rapidamente. No contra-ataque Tenório escorou por cima do travessão um cruzamento da esquerda.


O último lance de perigo da etapa inicial aconteceu aos 44, e foi para o Palmeiras. Barcos passou por seu marcador, invadiu a área mas nem cruzou nem chutou e viu a bola sair pela linha de fundo.


Na etapa final o Palmeiras voltou mais ligado, e criou logo de cara duas boas chances para fazer o gol, a primeira aos 50 segundos num chute rasteiro de Tiago Real e a segunda num chute de Luan que Fernando Prass fez milagre.

Tudo caminhava bem até que aos 6 minutos Real cometeu falta estúpida perto da área; Juninho cobrou, novamente a zaga apenas olhou, Bruno foi de forma bisonha na bola e Nilton desviou: 2 a 1.


O gol desmoronou o time de Felipão, sorte do Vasco, que passou a tocar a bola com enorme tranquilidade. A facilidade era tamanha que aos 26 minutos Tenório colocou o veterano Juninho para correr, e ele não teve dificuldades para deslocar o fraco Bruno: 3 a 1.


Morto, o Palmeiras apenas esperou o apito final do juiz. A nova derrota - décima quarta em 24 rodadas, faz o time cair para a vice-lanterna e ver os times fora do Z4 a 8 pontos de distância. Segundona, lá vamos nós!


Domingo (16/09) o Palmeiras recebe o Corinthians no Pacaembu. O clássico será às 16h. Coitada da torcida...

Mais de Vasco 3 x 1 Palmeiras:

- Ficha técnica
- Observações e notas
- TV PTD: os gols do jogo
- Classificação atualizada

 
Vai comentar? Leia e respeite nossas regras
 
Para comentar usando o plugin do Facebook clique aqui
 
 
comments powered by Disqus
 
Os comentários feitos neste espaço não representam a opinião do Palmeiras Todo Dia. A responsabilidade sobre eles são de seus respectivos autores.
Palmeiras Todo Dia | O Site Oficial do Torcedor Palmeirense!
 
Palmeiras Todo Dia - O Site Oficial do Torcedor Palmeirense!