Por Eduardo Luiz, da Redação PTD - 05/08/2016 - 01:04h.
Com falha de Vagner e erros do apito, Palmeiras só empata com a Chapecoense
Em lance de impedimento, goleiro doa gol ao adversário, que depois fica reclamando de penalidade: 1 a 1.

Com Dudu novamente de titular, mas sem Róger Guedes e Cleiton Xavier, o Palmeiras iniciou o jogo tentando se impor. Logo no primeiro minuto Thiago Santos arriscou de longe, por cima. Aos 13 Zé Roberto cruzou e Thiago Santos novamente ficou no quase, desta vez graças a uma boa defesa de Danilo.

A partida era relativamente tranquila, já que a Chapecoense quase não passava do meio-campo. Aos 19 minutos Dudu soltou a bomba do meio da rua e o goleiro defendeu em dois tempos. Aos 20 Moisés cruzou para Leandro Pereira desviar de cabeça, para fora.

Os donos da casa só foram chegar com perigo aos 21 minutos num rápido contra-ataque que terminou com Tiagunho batendo rente à trave esquerda de Vagner. Aos 26 Dener bateu da entrada da área, mas o goleiro Palmeirense estava atento e segurou.

O Palmeiras tentou não se intimidou com as duas investidas seguidas da equipe catarinense e respondeu aos 28 minutos num chute de primeira de Moisés que Danilo segurou. Aos 29 Zé Roberto cometeu falta boba perto da área, mas o vacilo maior ainda estava por vir. Vagner saiu muito mal do gol, socou a bola em Thiago Santos e a mesma sobrou para Kempes: 1 a 0.

A falha do substituto de Fernando Prass desestabilizou completamente a equipe, que viu a Chapecoense crescer, mas os mandantes esbarraram na limitação técnica de seus jogadores para tentar nocautear de vez o Verdão. Apenas aos 40 minutos Zé Roberto foi à linha de fundo e cruzou para Erik, que concluiu por cima. A resposta do adversário veio na mesma moeda num chute forte de Hyoran que passou perto do travessão.

Com Cleiton Xavier no lugar de Thiago Santos, o Palmeiras voltou para a etapa final esboçando uma pressão. Aos 2 minutos Leandro Pereira tentou de cabeça, nas mãos do goleiro. Aos 4 Moisés chutou forte, Danilo deu rebote, a bola se ofereceu para Jean que também parou numa ótima defesa do rival.

A primeira investida da Chapecoense no segundo tempo surgiu aos 8 minutos, quando Thiego subiu mais alto que a defesa alviverde para escorar por cima do travessão após cobrança de escanteio. Aos 11 Cleiton Xavier cruzou para Erik, que finalizou mal. Aos 12 Kempes bateu de fora da área, fácil para Vagner.

Como o gol não saia, aos 12 minutos Cuca promoveu mais uma alteração: Erik deu lugar a Lucas Barrios. Aos 17 minutos uma chance real, mas sem a participação do paraguaio; Jean pegou muito bem na bola, mas Danilo, em noite de São Marcos, fez milagre.

Ainda dentro do minuto 17 Vagner quase entregou de novo; ele saiu muito mal do gol, quase fez pênalti em Hyoran, que só não fez o segundo porque Zé Roberto salvou sobre a linha. Aos 19 minutos Zé foi ao ataque e cruzou para Barrios finalizar sem perigo para o goleiro. Aos 21 Jean avançou sem ser incomodado e bateu com desvio, por cima.

Com o time perdido em campo, aos 23 minutos Cuca trocou Dudu por Allione, que também não entrou ligado. Aos 27 minutos Barrios bateu fraco, nas mãos de Danilo. Aos 28 Lorence testou Vagner de longe, mas desta vez o camisa 25 não entregou.

A partida foi caminhando para o final e nada indicava que o Palmeiras teria força para reagir. Aos 36, porém, Cleiton Xavier foi lançado por Tchê Tchê e já dentro da área foi levemente tocado por Gil, o camisa 10 se jogou e o árbitro foi na dele, assinalando a penalidade. Depois de muita cera e reclamação por parte dos mandantes, com direito a Caio Junior desfilando em campo após ser expulso, Jean cobrou e decretou a igualdade: 1 a 1.

O empate fez a Chapecoense se abrir toda em busca do segundo gol, mas quem esteve mais perto de marcar outro foi o Verdão. Aos 41 minutos Moisés recebeu na entrada da área e bateu por cima. Aos 43 Allione enfim apareceu bem, fez boa jogada pela direita e deu o gol de presente para Cleiton Xavier, que perdeu chance incrível. Aos 44 Moisés isolou a última chance clara do jogo.

Com o empate o time de Cuca interrompe a série de dois jogos seguidos com derrotas, soma 1 pontinho, iguala a pontuação do líder (33) e sobe para o segundo lugar.

O Verdão volta a campo no domingo (07/08) para enfrentar o Vitória, às 16h, no Allianz Parque.

Notícias relacionadas:

- Notas de Chapecoense 1 x 1 Palmeiras
- Ficha técnica de Chapecoense 1 x 1 Palmeiras
 
Vai comentar? Leia e respeite nossas regras
 
Para comentar usando o plugin do Facebook clique aqui
 
 
comments powered by Disqus
 
Os comentários feitos neste espaço não representam a opinião do Palmeiras Todo Dia. A responsabilidade sobre eles são de seus respectivos autores.
Palmeiras Todo Dia | O Site Oficial do Torcedor Palmeirense!
 
Palmeiras Todo Dia - O Site Oficial do Torcedor Palmeirense!