Por Eduardo Luiz, da Redação PTD - 13/10/2016 - 21:28h.
Palmeiras joga bem apenas um tempo e empata sem gols com o Cruzeiro
Em Araraquara, time de Cuca não sai do zero e vê vantagem na liderança do Brasileirão voltar para 1 ponto.

Com Gabriel Jesus, mas sem Mina (vetado no vestiário por desgaste físico), o Verdão iniciou o jogo tomando a iniciativa. Logo no primeiro minuto Tchê Tchê bateu cruzado, para fora. A resposta do Cruzeiro foi imediata. Aos 2 minutos Henrique arriscou da entrada da área, por cima.

O jogo era aberto. Aos 3 Dudu aproveitou erro de passe na intermediária, roubou a bola, avançou e finalizou com perigo, à direita do goleiro. Aos 4 minutos Jesus fez boa jogada pela direita e cruzou forte demais para Dudu, que até se atirou na bola, mas sem conseguir escorar o passe/chute.

Para não deixar o Palmeiras se animar, a equipe mineira tornou a responder rapidamente. Aos 6 minutos Rafinha soltou a bomba para boa defesa de Jailson. A melhor chance, porém, ainda estava por vir, e seria do Verdão. Aos 14 minutos, após rápida troca de passes, Jesus recebeu de Tchê Tchê e bateu de primeira, para fora. Dava para dominar e finalizar com mais tranquilidade...

Aos 15 minutos foi a vez de Jean arriscar uma finalização de média distância; Bruno Rodrigo interceptou o chute antes de Gabriel Jesus tentar fazer o mesmo. Aos 16 Moisés recebeu na entrada da área e bateu colocado, facilitando a defesa de Rafael.

Um pouco mais recuado, mas ainda ligado, o Cruzeirou assustou a meta de Jailson aos 20 minutos novamente com Rafinha; o meia ganhou de Jean e bateu forte, mas sem direção. Aos 23 Tchê Tchê apareceu novamente pela direita e cruzou para Róger Guedes concluir bonito, de primeira, por cima do travessão.

Jogador do Verdão até pouco tempo, Robinho só foi notado aos 27 minutos quando arriscou uma finalização de longe, para fora. Após ótimos 30 minutos iniciais, as duas equipes diminuíram o ritmo e uma nova oportunidade de gol só foi criada aos 45 minutos com Jean; o lateral cobrou falta r Rafael deu rebote nos pés de Vitor Hugo, que bateu para fora.

A etapa final começou com a torcida Palmeirense presente em bom número à Arena Fonte Luminosa comemorando um gol de Thiago Santos, mas o lance foi corretamente anulado porque o volante estava impedido. Aos 3 minutos Thiago lançou Jesus, que escorou de cabeça para Róger Guedes, mas o camisa 23 não alcançou.

Após as duas investidas do Verdão, só deu Cruzeiro, que passou a explorar muito bem as jogadas aéreas. Aos 4 minutos Robinho cobrou falta e Bruno Rodrigo desviou para fora. Aos 6 o ex-Palmeirense cobrou escanteio e Rafael Sóbis escorou por cima. Aos 11, após outro levantamento de Robinho, Léo subiu mais alto que Vitor Hugo e concluiu para fora.

Para tentar recuperar a posse de bola, aos 12 minutos o técnico Cuca promoveu a primeira alteração: Rafael Marques substituiu Róger Guedes. Aos 12 Tchê Tchê fez boa jogada individual mas errou feio na hora de bater a gol. Aos 17 um lance incrível: após ótimo passe de Sóbis, Robinho já dominou tirando de Jailson; com o gol livre, o meia chutou e só não correu para o abraço porque Zé Roberto salvou sobre a linha, se atirando com o peito na bola.

A chance desperdiçada não serviu para o Palmeiras acordar. Aos 20 minutos Bryan bateu cruzado, para fora. Aos 25 Rafael Marques bem que tentou responder, mas seu chute saiu fraco demais. Com o rival melhor, aos 26 Cuca mexeu novamente; Dudu deu lugar a Cleiton Xavier. Como nada aconteceu, aos 31 o treinador queimou a última alteração: Alecsandro herdou a vaga de Moisés.

Jogando bem, o Cruzeiro ignorou as mexidas do Verdão e seguiu com o controle do jogo. Aos 33 minutos Henrique bateu da entrada da área, para fora. Demonstrando cansaço, o Palmeiras só voltou a criar uma chance clara para abrir o placar aos 44 minutos; Jean cruzou para Alecsandro, que conseguiria finalizar se Ezequiel não se atirasse na bola.

Todo aberto, o time de Cuca ainda proporcionou ao time visitante criar um contra-ataque aos 45 minutos; Willian ganhou na corrida de dois Palmeirenses e chutou na trave esquerda de Jailson. E foi só. Com o empate o Palmeiras vai a 61 pontos e mantém a liderança isolada do Brasileirão.

Domingo (16/09) o Verdão viaja para Santa Catarina para enfrentar o Figueirense. A partida está marcada para 17h.

Notícias relacionadas:

- Notas de Palmeiras 0 x 0 Cruzeiro
- Ficha técnica de Palmeiras 0 x 0 Cruzeiro
 
Vai comentar? Leia e respeite nossas regras
 
Para comentar usando o plugin do Facebook clique aqui
 
 
comments powered by Disqus
 
Os comentários feitos neste espaço não representam a opinião do Palmeiras Todo Dia. A responsabilidade sobre eles são de seus respectivos autores.
Palmeiras Todo Dia | O Site Oficial do Torcedor Palmeirense!
 
Palmeiras Todo Dia - O Site Oficial do Torcedor Palmeirense!