Por Eduardo Luiz, da Redação PTD - 17/10/2016 - 20:08h.
Análise do Vitão: Cidadão Kane

Saudações Palestrinas!

A ansiedade do torcedor Palmeirense está atingindo o seu maior patamar nesta temporada. Após uma rodada extremamente favorável, abrimos uma considerável vantagem faltando apenas sete rodadas para o término do campeonato.

No entanto para muitos torcedores a ansiedade vem acompanhada de um grande ponto de interrogação, dado o cheiro de mutreta que pode ser sentido ao abrir alguns grandes veículos de informação.

O título desta coluna se refere ao clássico filme de Orson Welles: “Citizen Kane”, que trata especialmente sobre o poder de manipulação da mídia sobre as pessoas, inclusive, existe um documentário que pode ser facilmente encontrado na internet com o mesmo título que aborda ninguém mais, ninguém menos do que a RGT.

Faço um exercício mental todos os dias para não me alienar, no entanto, se analisarmos um pouco mais friamente existem vários elementos que nos dão margem para pelo menos desconfiar que existe algo orquestrado para que não sejamos campeões.

Como todos sabem o Palmeiras não fechou os direitos de transmissão para a temporada de 2019. Alguns times fecharam com a RGT e outros com a Esporte Interativo, obviamente o astuto Paulo Nobre está aguardando o final da temporada, onde temos tudo para sermos os campeões para assim negociar definitivamente com um maior poder de barganha. Será que a RGT tem interesse de que o Palmeiras seja o campeão de 2016?

Além de uma mídia totalmente tendenciosa, nefasta e suja, temos parte dela assumidamente torcedora do Flamengo e pelas manchetes que vemos hoje, podemos ter a clara noção da tentativa de manipulação.

Em momento algum do campeonato, quando fomos terrivelmente prejudicados a imprensa se manifestou, no entanto, bastou termos lances duvidosos na partida de ontem para que o bombardeio começasse.

Em um primeiro momento, eu gostei da entrevista coletiva do Paulo Nobre sobre o Fla x Flu ter sido decidido “no grito”, no entanto, depois da rodada de ontem vimos que isso serviu de munição para a imprensa e para os adversários.

Para o Palmeiras ganhar algo sempre terá que jogar muito mais, com muito mais sobra do que os adversários; sempre teremos que lutar contra tudo e contra todos.

Agora amigo Palmeirense eu pergunto: Não é estranho que na rodada de ontem as partidas Botafogo x Atlético-MG e Sport x Vitória tenham tido lances duvidosos, onde o árbitro demorou para valida-los? Posso estar enganado, mas isso nos dá margem para pensar que é uma tentativa de amenizar o lance ocorrido no Fla x Flu.

O maior problema com a manipulação da mídia são os juízes extremamente fracos entrarem em campo pressionados, já condicionados a errar.

Falando sobre o futebol apresentado pelo Palmeiras, rapidamente vou comentar sobre o jogo contra o Cruzeiro, onde fizemos um bom primeiro tempo.

Não acho justo culpar apenas um jogador, mas a entrada de Rafael Marques acabou com o time; o Cuca errou em tirar o Roger Guedes, afinal, além do Rafael Marques não estar em uma boa fase ele candencia de forma apática o jogo.

Se não fosse o Zé Roberto ter proporcionado o mais espetacular lance defensivo do campeonato, teríamos perdido a partida, foi um resultado justo, uma vez que não jogamos absolutamente nada no segundo tempo.

Contra o Figueirense vimos um time diferente das últimas rodadas; com muita vontade de vencer! Jaílson fez apenas uma defesa durante o primeiro tempo, aliás, uma defesa espetacular.

Mesmo com o time muito mais forte, nossos laterais foram lastimáveis. Fabiano e Egídio fizeram uma péssima partida, não entendi a entrada do Fabiano, seria muito mais coerente por parte do Cuca colocar o Tchê Tchê na lateral direita e o Thiago Santos de volante.

A arbitragem foi péssima para ambos os lados. Nem vou entrar no mérito dos lances capitais, porém, Dudu e Jesus receberam cartões amarelos absurdos, sem critério algum, inclusive um dos cartões tirou o Jesus do jogo contra o Sport.

Jean que não fazia uma boa partida, cobrou o Pênalti corretamente marcado pelo árbitro em cima do Gabriel Jesus, mesmo cobrando muito mal, a bola entrou e saímos na frente.

O gol fez com que o Figueirense saísse mais para o jogo, o que abriu brecha para que Jean completasse para o gol depois de ótima jogada de Jesus, 2x0!

O Figueirense ainda descontou depois de um escanteio onde nossa zaga falhou feio e o Rafael Moura segurou Jaílson, no entanto, seguramos de forma inteligente o resultado até o final.

Podem chorar: Bandeira, Branco, presidente do Figueirense, adversários, comentaristas torcedores e quem mais quiser.

Uma frase emblemática da fórmula 1 é a seguinte: Chegar, até pode chegar perto, ultrapassar é outra história. Temos a melhor campanha em um segundo turno da história do campeonato Brasileiro e somos os melhores em quase todos os quesitos, lideramos por que somos merecedores, é justo!

Temos que manter o foco, falta muito pouco! Tenho certeza de que este elenco é forte o suficiente para aguentar a pressão. É hora de falar pouco e jogar muito!

Um grande abraço!

Vitão
 
Vai comentar? Leia e respeite nossas regras
 
Para comentar usando o plugin do Facebook clique aqui
 
comments powered by Disqus
 
Os comentários feitos neste espaço não representam a opinião do Palmeiras Todo Dia. A responsabilidade sobre eles são de seus respectivos autores.
Palmeiras Todo Dia | O Site Oficial do Torcedor Palmeirense!
 
 
Palmeiras Todo Dia - O Site Oficial do Torcedor Palmeirense!