Por Eduardo Luiz, da Redação PTD - 10/02/2018 - 20:51h.
Com gols de Borja e Dudu, Verdão faz outra vítima no Paulistão: Mirassol
Palmeiras chegou à sexta vitória seguida, mantendo os 100% de aproveitamento; diferença para o segundo colocado do Grupo C é de 9 pontos.

Repetindo postura adotada em outras partidas fora de casa, o Verdão iniciou o jogo "deixando" a posse de bola com o adversário, e o Mirassol tentou aproveitar. Aos 8 minutos Paulinho arriscou de longe, sem perigo para Jailson. Aos 11 Douglas Baggio deixou 3 Palmeirenses para trás, invadiu a área e chutou cruzado, rente à trave. O árbitro enxergou um desvio e assinalou escanteio; após a cobrança, Edson Silva desviou para fora.

Só dava Mirassol. Aos 18 minutos Léo Baiano girou pra cima da marcação e chutou por cima. O Palmeiras só foi dar sinal de vida aos 19 minutos, quando Tchê Tchê roubou a bola no ataque e passou para Dudu; o camisa 7 chutou rasteiro e a zaga interceptou.

A "chance" perdida pelo time do técnico Roger Machado não abalou o Mirassol, que seguiu melhor. Aos 21 minutos Rodolfo exigiu grande defesa de Jailson; no rebote a bola voltou para o adversário que serviu Douglas Baggio, que só não correu para o abraço porque Lucas Lima salvou sobre a linha. Foi o sinal para o Verdão finalmente acordar.

Aos 23 minutos, após jogada trabalhada no meio-campo, Lucas Lima deixou Borja na cara do goleiro, e o colombiano não desperdiçou: 1 a 0. Três minutos depois Lucas Lima arriscou um chute da intermediária, mas a bola subiu muito. Aos 31 o Mirassol tentou reagir em cobrança de falta executada por Rodolfo, mas ele errou o alvo.

Mais solto em campo, o Palmeiras voltou a levar perigo aos 33 minutos, quando Willian achou Tchê Tchê entrando na área; o camisa 8 chutou de bico, nas mãos de Fernando Leal. Aos 38 Tchê Tchê enfiou para Dudu e o atacante tentou o passe para Borja, mas o colombiano não acompanhou a jogada.

Nos últimos minutos da etapa inicial o Verdão optou por administrar o resultado, enquanto que os donos da casa só conseguiram chegar em mais uma oportunidade, novamente em cobrança de falta que não levou perigo à meta de Jailson.

Os dois times voltaram para o segundo tempo sem alterações, e os primeiros minutos foram no mesmo ritmo do final do primeiro tempo, ou seja, morno. Aos 6 minutos Borja interceptou um passe no meio-campo e avançou, mas no meio do caminho ele arriscou fraco, nas mãos do goleiro. Willian, pela esquerda, ficou pedindo o passe.

Aos 15 minutos Lucas Lima levantou na cabeça de Borja, que ganhou do goleiro e só não fez o segundo porque Edson Silva salvou sobre a linha. Aos 20 Tchê Tchê fez boa jogada individual e tocou para Marcos Rocha, mas o goleiro chegou antes. Logo depois Roger Machado promoveu a primeira substituição: Willian por Keno.

O Mirassol só foi chegar perto da meta de Jailson aos 25 minutos, quando André Luis tentou uma finalização da entrada da área, mas Michel Bastos bloqueou. Aos 27 outra mudança no Verdão: Lucas Lima deu lugar a Gustavo Scarpa. Aos 32 minutos o camisa 14 ajeitou para Michel Bastos soltar a bomba e parar em defesa de dois tempos de Fernando Leal.

Com o jogo sob controle, o Palmeiras "apertava" o Mirassol quando queria. Aos 35 minutos, após falta executada por Scarpa, o goleiro deu rebote em conclusão de Borja e Dudu tentou um chute sem ângulo ao invés de cruzar. No lance seguinte o camisa 7 não foi fominha e serviu Borja, que encheu o pé, exigindo uma boa defesa do goleiro.

Aos 39 minutos Tchê Tchê deu ótimo passe para Borja, que saiu na cara do goleiro e fatalmente faria o segundo gol se não fosse atropelado por Jesiel. Pênalti bem marcado e convertido por Dudu: 2 a 0. Pouco depois de garantir a vitória, Roger trocou Tchê Tchê por Thiago Santos. O camisa 8 saiu de campo muito aplaudido.

Nos últimos minutos, contando os 3 de acréscimo, o Mirassol ainda criou uma última oportunidade com André Luis, mas o chute saiu por cima do travessão. Na sequência o árbitro encerrou a partida. Foi a sexta vitória seguida do Palmeiras, que manteve os 100% de aproveitamento e abriu 9 pontos de vantagem para o segundo colocado do Grupo C (18 a 9).

O Verdão volta a campo na quinta-feira (15/02) para enfrentar o Linense. O jogo será realizado às 21h, no Allianz Parque.

Notícias relacionadas:

- Notas de Mirassol 0 x 2 Palmeiras
- Ficha técnica de Mirassol 0 x 2 Palmeiras
 
Vai comentar? Leia e respeite nossas regras
 
Para comentar usando o plugin do Facebook clique aqui
 
 
comments powered by Disqus
 
Os comentários feitos neste espaço não representam a opinião do Palmeiras Todo Dia. A responsabilidade sobre eles são de seus respectivos autores.
Palmeiras Todo Dia | O Site Oficial do Torcedor Palmeirense!
 
 
Palmeiras Todo Dia - O Site Oficial do Torcedor Palmeirense!