Por Eduardo Luiz, da Redação PTD - 02/06/2018 - 22:52h.
Verdão acorda no segundo tempo, vira pra cima do São Paulo e se recupera no Brasileirão
Palmeiras mantém freguesia do rival no Allianz Parque e volta a vencer no campeonato; Willian (2) e Dudu fizeram os gols.

Com Moisés de titular no lugar de Lucas Lima, o Palmeiras iniciou o clássico mostrando muita vontade, mas esbarrando na falta de criatividade e na forte marcação imposta pelo São Paulo. A primeira chance de gol foi do rival: aos 6 minutos Nenê cobrou falta, Diego Souza resvalou de cabeça e mandou à esquerda de Jailson.

Sentindo a pressão pela fase ruim, o Verdão não conseguia articular jogadas de perigo. As duas vezes que conseguiu deixar a torcida presente em bom público ao Allianz Parque ansiosa foram em duas reposições de Jailson buscando Dudu, mas na primeira Militão parou o atacante com falta e na outra Sidão se antecipou.

Aos 28 minutos, num raro momento que o time conseguiu trocar passes, Keno apareceu bem pela direita e cruzou rasteiro; Bruno Alves cortou de carrinho e quando se levantava tocou com a mão na bola. Apesar da reclamação dos Palmeirenses, o árbitro mandou seguir.

A partida era morna até que aos 29 minutos Edu Dracena resolveu dar emoção. Em uma jogada morta, o zagueiro não percebeu a aproximação de Marcos Guilherme e recuou fraco demais para Jailson, que saiu para abafar sem conseguir tocar na bola, assim como o sãopaulino; resultado: gol contra do zagueiro: 0 a 1.

Atrás no marcador, o Palmeiras se descontrolou. Taticamente e emocionalmente. Aos 33 minutos Reinaldo soltou a bomba e fez Jailson trabalhar. Aos 35 Marcos Guilherme experimentou da entrada da área e viu a bola tirar tinta do travessão. Nos 10 minutos finais do primeiro tempo deu tempo de Felipe Melo e Dudu receberem cartão amarelo por reclamação. Chances de gol para empatar? Zero.

Sem alterações, o Verdão voltou para a etapa final apostando na mudança de atitude. Com 1 minuto isso ficou claro: Moisés cruzou na cabeça de Bruno Henrique, que mandou à esquerda do goleiro. Foi a primeira finalização da equipe na partida. Aos 8 Diogo Barbosa sentiu uma lesão e foi substituído por Victor Luis.

Aos 9 minutos Keno fez boa jogada pela direita e cruzou; Sidão afastou parcialmente e Willian aproveitou: 1 a 1. O gol ainda demorou a ser validado porque o assistente quis confirmar com o árbitro se Dudu, que estava em posição legal, não havia desviado a bola, e não desviou. No lance do gol Keno também sentiu e deu lugar a Hyoran.

O empate fez os mais de 32 mil torcedores presentes ao Allianz Parque empurrarem ainda mais o time. Aos 22 minutos a virada saiu; após dividida entre Militão e Hyoran, a bola sobrou para Willian livre dentro da área chutar de primeira, no contrapé de Sidão. Golaço: 2 a 1.

Perdendo o jogo, o São Paulo se armou para partir em busca da igualdade, mas não contava que o Palmeiras daria um bote fatal logo depois da virada: aos 24 minutos Moisés lançou Hyoran, o meia avançou em velocidade e cruzou para Dudu, de cabeça, ampliar a vantagem: 3 a 1. No ato do lançamento Moisés se transformou na terceira vítima por lesão na partida. Thiago Santos entrou em seu lugar.

Para não dar chance ao azar, o Verdão manteve o ritmo forte após fazer o terceiro. Aos 34 minutos Hyoran cobrou falta e Thiago Santos fatalmente faria o gol se Lizieiro não chegasse um instante antes. Aos 37 Dudu roubou a bola na intermediária, arrancou e serviu Willian, que bateu cruzado, para fora.

O São Paulo só conseguiu fazer Jailson trabalhar aos 41 minutos com Paulinho, que chutou forte de fora da área; o goleiro Palmeirense mandou para escanteio, que não resultou em nada. Nos minutos finais, contando os 4 de acréscimo, o adversário manteve a posse de bola mas não conseguiu incomodar a meta de Jailson.

Com a vitória de virada o Palmeiras vai a 14 pontos, se reabilita no Brasileirão, tira a invencibilidade do São Paulo no campeonato e de quebra mantém a freguesia do rival no Allianz Parque; agora são 7 jogos com 7 vitórias, 21 gols marcados e apenas 4 sofridos.

Quarta-feira (06/06) o Verdão visita o Grêmio. O jogo será disputado às 21h45.

Notícias relacionadas:

- Notas de Palmeiras 3 x 1 São Paulo
- Ficha técnica de Palmeiras 3 x 1 São Paulo

 
Vai comentar? Leia e respeite nossas regras
 
Para comentar usando o plugin do Facebook clique aqui
 
 
comments powered by Disqus
 
Os comentários feitos neste espaço não representam a opinião do Palmeiras Todo Dia. A responsabilidade sobre eles são de seus respectivos autores.
Palmeiras Todo Dia | O Site Oficial do Torcedor Palmeirense!
 
Palmeiras Todo Dia - O Site Oficial do Torcedor Palmeirense!