Por Eduardo Luiz, da Redação PTD - 18/01/2020 - 18:00h.
Verdão se despede da Florida Cup com vitória de virada sobre o New York City
Com duas mudanças no time titular – Gabriel Menino no lugar de Patrick de Paula, e Victor Luis na vaga de Diogo Barbosa, o Palmeiras iniciou o jogo sofrendo um susto e uma baixa: aos 2 minutos Morales recebeu livre pelo lado direito do ataque e soltou a bomba, para fora. Aos 3 Bruno Henrique sentiu um incômodo na virilha e foi substituído por Ramires. Depois disso só deu Verdão.

Marcando o adversário no campo de ataque, o time do técnico Vanderlei Luxemburgo criou várias oportunidades de gol. Aos 6 minutos Luiz Adriano iniciou a jogada, tocou para Raphael Veiga que cruzou para o camisa 10 concluir de cabeça, por cima. Aos 7, Menino arrancou e deu o gol de presente para Dudu, mas ele chutou em cima do goleiro.

Aos 13 minutos uma jogada bonita: Dudu fez a cavadinha, Luiz Adriano ajeitou de calcanhar e Ramires finalizou de primeira, mas um zagueiro bloqueou. Aos 14 Victor Luis cobrou falta na entrada da área nas mãos de Stuver. O gol alviverde parecia questão de tempo. Aos 15 minutos outra chance: Felipe Melo lançou Dudu, um defensor afastou parcialmente e a bola sobrou para Luiz Adriano carimbar outro zagueiro. Aos 22 Lucas Lima cobrou falta, a bola desviou na barreira e saiu em escanteio.

A partir dos 25 minutos, num ritmo menos intnenso, o Palmeiras passou a dar alguns espaços ao New York City. Aos 29 minutos Matrita cobrou falta com relativo perigo; Weverton acompanhou com os olhos. Aos 34 novamente Matrita assustou, desta vez com a bola rolando: o atacante recebeu nas costas de Marcos Rocha, dominou no peito e chutou rente à trave direita.

Após um curto perigo sem ameaçar a meta adversária, o Verdão voltou a finalizar aos 38 minutos: Dudu ajeitou calcanhar para Raphael Veiga bater cruzado, para fora. Aos 46 Gabriel Menino cobrou falta buscando o ângulo, mas o goleiro foi buscar. No último lance da etapa inicial Jasson passou como quis por Ramires e cruzou para De Rosario, que se antecipou a Felipe Melo e marcou um belo gol de cabeça: 0 a 1.
 
Com Willian no lugar de Raphael Veiga, o Palmeiras voltou para o segundo tempo buscando o empate. Aos 2 minutos Victor Luis cobrou falta com muita força e feito, por cima do travessão. Aos 5 o árbitro não deu falta clara em Victor Luis no meio-campo, o New York City puxou um rápido contra-ataque e quase ampliou.

Aos 10 minutos Gabriel Menino acionou Lucas Lima, o meia cruzou buscando Willian, mas a bola desviou e enganou o goleiro: 1 a 1. Aos 14 quase veio a virada: após disputa de bola na entrada da área a bola sobrou para Victor Luis chutar de direita rente à trave esquerda do goleiro. Pouco depois, aos 17 minutos, Luxa promoveu 10 alterações, deixando apenas Willian em campo.

De gás renovado, o Verdão perdeu outra boa chance de gol aos 19 minutos: Wesley foi à linha de fundo e cruzou para Veron, que chegou um instante atrasado. Aos 27 Zé Rafael pressionou a saída de bola, desarmou o zagueiro e de cabeça tocou para Willian ajeitar e fuzilar: 2 a 1.

A frente no placar, o Palmeiras diminuiu o ritmo e também contou com várias alterações no rival para controlar o jogo sem ser incomodado. Aos 42 minutos Willian ainda perdeu a chance de ampliar a vantagem após receber bom passe de Diogo Barbosa; o chute do camisa 29 saiu rente ao travessão. E foi só.

Agora é pra valer: quarta-feira (22/1) o Verdão estreia no Campeonato Paulista cotra o Ituano. O jogo será em Itu, às 19h15.
 
Vai comentar? Leia e respeite nossas regras
 
Para comentar usando o plugin do Facebook clique aqui
 
 
comments powered by Disqus
 
Os comentários feitos neste espaço não representam a opinião do Palmeiras Todo Dia. A responsabilidade sobre eles são de seus respectivos autores.
Palmeiras Todo Dia | O Site Oficial do Torcedor Palmeirense!
 
Palmeiras Todo Dia - O Site Oficial do Torcedor Palmeirense!