A RESSACA DA SORTE ( 14/08/2017 )
 


Sorte? A lembrança deste substantivo nos remete ao grande "Palmeiras" e ao "Brasileiro" disputado e ganho, em 2016.

Mas o que é a sorte?

Rei da Macedônia, Alexandre "Grande" (356 a.C - 323 a.C) dizia que somente os audaciosos são abençoados pelas mãos da sorte.

Se a sorte acompanha os audaciosos, ela nos faltou frente ao "Vasco". Acreditar que seria possível.

Advogado, escritor e filósofo romano, Sêneca (4 a.C - 65 d.C) imaginava a sorte como a somatória de capacidade e oportunidade.

Se a sorte é a somatória de capacidade e oportunidade, frente ao "Vasco" nos faltou capacidade e ela nos criaria mais oportunidades.

Escritor, filósofo e poeta estadunidense, Emerson (1803 - 1882) acreditava que a sorte é atributo dos fracos, pois os fortes acreditam em causa e efeito.

A sorte é atributo dos fracos e os fortes acreditam em causa e feito? Bem, nós esqueceremos o jogo frente ao "Vasco" e voltaremos no tempo, para entendermos melhor o jogo da última quarta-feira.

Não perdemos a "Copa Libertadores" frente o "Barcelona". Perdemos nos detalhes, mês a mês.

Estadista britânico, "Churchill" (1874 - 1965) sintetiza bem a frase escrita acima. Para ele, a sorte é zelo pelos pormenores.

Assim sendo, nobres palestrinos, as falhas existiram e não foram consideradas danosas. Sinal de subestima?

Ainda há tempo disponível para não sairmos de mãos e bolsos vazios.



***

O escritor e colunista Catedral de Luz nasceu na turbulenta década de 60 e adquiriu valores entre as décadas de 70 e 80 que muito marcaram sua personalidade, tais como Palmeiras, Beatles, Letras, Espiritismo e História... Amizades... Esposa e Filha.

Os anos 90 ensinaram-lhe os atalhos, restando ao novo século a retomada da lira poesia perdidas.

comments powered by Disqus
acesso rápido
 
 
 
 
 
 
 

Palmeiras Todo Dia - O Site Oficial do Torcedor Palmeirense!